CIÊNCIAS EXATAS E DA TERRA


Nome do Projeto: Ecologias Cognitivas na formação do professor de Física

Coordenador(a): Marcello Ferreira

Disciplina(s) Envolvida(s): Metodologia do Ensino de Física

Tipo de Resultado: Recurso Didático

Ano: 2018


Descrição do Projeto

O Projeto tem por escopo a formulação qualitativa (isto é, a designação conceitual e estrutural) do Espaço InterFor, que se constitui de uma proposição idealizada pelo Núcleo de Pesquisa em Ensino de Física (NPEF) e Coordenações das Licenciaturas em Física (presencial e EaD) e do Programa de Pós-Graduação em Mestrado Nacional Profissionalizante em Ensino de Física (MNPEF) do Instituto de Física (IF) da Universidade de Brasília (UnB), em articulação com todas as demais iniciativas institucionais de formação de professores do IF (Estágios Supervisionados, PIBID, UAB, LADEF, Experimentoteca, Planetário, Residência Pedagógica etc.), visando à integração de ações de ensino-pesquisa-extensão voltadas à formação inicial e continuada de professores de Física. Busca subsídios na articulação entre tecnologia/conhecimento e na perspectiva do trabalho em grupo como estratégia cultural de respostas a problemas e desafios e, portanto, possibilidade de aprendizagem significativa e de progressão.

O projeto prioriza pesquisas em estratégias de ensino-aprendizagem que incentivem a investigação, o estudo e a comunicação colaborativa, mediadas pelas Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação (TDIC), de modo que os processos sejam didaticamente orientados por projetos centrados em situações-problema contextualizadas e de potencial interdisciplinar. As situações-problema direcionarão as ações investigativas propostas em ensino de física, em consonância com o Plano de Desenvolvimento Institucional (PDI) da UnB e as metas institucionais do IF/UnB.


Recursos Desenvolvidos

Concretamente, objetivamos instituir cinco ambientes de integração ensino-pesquisa-extensão:

1. Laboratório de Tecnologias Digitais, a ser equipado com 25 computadores para uso compartilhado, com ênfase no uso das TIDC e nas propostas pedagógicas de formação de professores do IF;

2. Projeto para montagem de um pequeno estúdio para produção de materiais didáticos para os cursos presenciais e EaD, com ênfase na gravação de audiovisuais;

3. Montagem de uma sala de aula no modelo “sala de aula invertida”, visando à ampliação/qualificação das práticas formativas dos cursos de licenciatura;

 4. Organização dos espaços de estudo e pesquisa dos cursos de Licenciatura EaD e do MNPEF;

5. Montagem de uma sala para webconferência, para realização de cursos, capacitações, bancas na modalidade a distância, visando ao aperfeiçoamento do uso de tecnologias nas diversas ações do Instituto e na diminuição dos custos em bancas e outras atividades formativas.


Utilização do Recurso

Sobre a aplicação do produto, trata-se de instituir espaços de formação de professores de física por meio da integração tecnológica. É uma formatação, nesta primeira fase, teórica, propositiva. Em um segundo momento, os espaços serão ocupados com os equipamentos e mobílias, com recursos do IF e de projetos.

O projeto visa propiciar um formato ideal de estruturação arquitetônica para a formação do professor de física, pensando em uma ecologia cognitiva.


Resultados na Aprendizagem

Espera-se que esse projeto estimule, endosse ou propicie a organização dos ambientes tecnológicos e o seu uso na formação inicial e continuada dos professores de Física, tornando-se um elemento de inovação do Instituto de Física em suas ações multimodais e multiníveis. A literatura revela que a inovação tecnológica, devidamente estruturada e teoricamente referenciada, pode propiciar situações de qualificação da aprendizagem.